Por mais jogos com trilha sonora cantada Escrito por @bfcavalcante em

Final de Red Dead Redemption. Lá esta você – exausto mentalmente da sua épica aventura na pele de John Marston quando, sem preparar o seu (e o meu) coraçãozinho, começa uma belíssima música cantada. Voz. Você ouviu uma música com uma pessoa cantando ~em um jogo~.

Ou aquele final ~emocionante~ quando toca “Obstacles” em Life is Strange? A vida da Max estar mudando definitivamente e ela saber que aquilo tudo é real – em um final marcante que coroou o primeiro episódio da série.

E quando você escuta pela primeira vez a Red cantando em Transistor? Até aquele momento você a estava controlando como uma pessoa muda, sem saber o quão encantadora era a voz que a fez ser um símbolo em Cloudbank.

Ou quando você pega o violão e começa tocar “Will the Circle be Unbroken?” em Bioshock Infinite. Mas esse não vou descrever. Vamos reviver, juntos com o Booker e a Elizabeth:

https://youtu.be/DrG6YY4d54o?t=14s

Momentos como esses levaram muitos de nós às lágrimas – ali nós vimos, e ouvimos, algo realmente belo. E não seria a mesma coisa sem a voz nas músicas.

Um manifesto

Game developers: ouçam minha prece o meu apelo: usem mais faixas com vocal nos jogos. Não estamos acostumados a ouvir pessoas cantando neles – e quando isso acontece nós somos tomados por um mundo de sensações, que vão da mais genuína empolgação até o êxtase. Entendo que isso pode ser complicado de um ponto de vista legal, pois pode tornar o projeto um pouco mais caro utilizar aquela música na trilha sonora. Entendo, de verdade. Ainda assim, só queria deixar registrado que esse tipo de recurso evoca sentimentos maravilhosos em nós – jogadores.

Representação dos jogadores ao ouvir uma música cantada durante um momento importante de um jogo

Representação de um jogador ao ouvir uma música cantada durante um momento importante do jogo

É interessante que esse aspecto das trilhas sonoras não tenha sido ainda tão utilizado. Os jogos de esporte são umas das excessões – eles já são referência no uso de músicas com vocais e vêm fazendo um ótimo trabalho nisso. Jogar uma partida de PES ouvindo uma boa música daquela banda que você adora é muito melhor do que uma BGM de torcida com uma trilha esquecível. Eles descobriram isso faz tempo – mas muitos dos outros gêneros ainda não fazem muito uso desse poderosíssimo recurso.

Oh, the possibilities…

Já imaginou o seu JRPG favorito com uma música de batalha cantada durante os eventos mais importantes da história? É. Pode deixar as lágrimas fluírem. Elas são sinceras. Ou, ou: que tal começar uma música cantada durante certas missões de um jogo como Mass Effect? A atmosfera já te tem completamente imerso há horas – algumas faixas de trilha sonora cantada e você vai lembrar daquelas missões para sempre. A esta altura tenho certeza de que você, leitor, também está vislumbrando comigo várias situações em que faixas com vocal tornariam tudo ainda mais épico.

Olha, só de imaginar eu já fico arrepiado. E se você também ficou assina embaixo! estamos juntos nesse pedido: por mais jogos com trilha sonora cantada!

Gostou do texto? Ajude a espalhar o nosso amor por videogames!

Bruno Cavalcante

Co-fundador da Alvanista e um grande fã da cultura oriental. Aprendeu a gostar de jogos eletrônicos com Super Mario Bros., teve seu primeiro amor com Shining Force II e viu que games era sua paixão quando jogou Chrono Trigger pela primeira vez. Acredita que Super Bomberman 4 deveria ser modalidade olímpica.

Leia todas as postagens do Bruno.